;

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Precisa-se de tempo



Está tão perto, ao mesmo tempo tão longe...
Isso me faz chorar lagrimas de sangue,
Mas porque?
Seria amor ou ilusão, poder ou mistério?
Algo que preciso resolver, eu acho.
Não quero está perto hoje, mas quem sabe amanhã?

Saber nem sempre é querer, querer nem sempre é poder.


Nayron Medeiros Soares

0 comentários: